Na China, governadora firma acordo para laboratório de certificação de gemas

Neste sábado (15), em agenda na China, a governadora Fátima Bezerra esteve no Instituto de Recursos Minerais da Academia Chinesa de Ciências Geológicas (CAGS), com o vice-presidente Yan Chengyi, onde assinou um acordo de cooperação que irá trazer avanços na implantação do Laboratório de Certificação de Gemas no Rio Grande do Norte. Este é um passo importante para a mineração, especialmente para as pedras preciosas que são extraídas do estado. O momento contou também com a participação de Jaime Calado, secretário de desenvolvimento econômico, da ciência, da tecnologia e da Inovação, e de Luis Guimarães, presidente da Associação Sino-Brasileira de Mineração (ASBM).

“É importante para nós no Rio Grande do Norte estreitarmos os laços com este instituto aqui, a Academia Chinesa de Ciências Geológicas, tendo em vista o potencial extraordinário que o Brasil e o estado do Rio Grande do Norte, em particular, têm no setor de mineração. É com esse intuito que estamos aqui, conscientes de que o Instituto de Recursos Minerais da Academia Chinesa de Ciências Geológicas seguramente é uma das referências mais qualificadas e respeitadas no mundo inteiro”, disse a governadora.

A criação do laboratório de gemas, previsto para ser integrado às instalações do Centro de Tecnologia Mineral do IFRN, em Currais Novos, irá abrir o mercado internacional para os produtores de pedras preciosas do Brasil, com foco principal na China e Ásia e potencial para atingir outras partes do mundo.

Também neste sábado, durante simpósio com representantes dos países do BRICS, a governadora assinou um Memorando de Cooperação entre o Governo do Estado e a Universidade Huaqiao para promover cooperação entre universidades e empresas, com promoção de pesquisas, recursos humanos, indicação de talentos, programas de treinamento e intercâmbio educacional.

“Essas agendas são uma continuidade das sementes que nosso governo plantou em 2019 quando aqui estivemos, e, ao longo desse período, os contatos que foram mantidos com as empresas da China. E agora em maio, se Deus quiser, vamos receber uma delegação aqui da China, formada por empresários que querem investir no nosso estado, com a participação das universidades para que a gente possa cada vez mais avançar naquilo que tanto desejamos, que é atrair mais investimentos para o Rio Grande do Norte, e com isso gerar mais empregos e mais oportunidades para o nosso povo”, informou Fátima.

Academia Chinesa de Ciências Geológicas (CAGS)

A Academia Chinesa de Ciências Geológicas (CAGS), uma instituição estatal com sede em Pequim, é a principal organização de pesquisa geológica da China, responsável pela exploração, pesquisa e gestão de recursos minerais e energéticos, proteção ambiental e sustentabilidade.

Contando com tecnologias avançadas de prospecção e mapeamento geológico, a instituição tem uma rede de institutos e laboratórios de pesquisa em todo o país e trabalha em parceria com empresas internacionais para a exploração de recursos minerais e energéticos em vários países, principalmente na África e América Latina.

Certificação de Gemas

O Governo do Estado do Rio Grande do Norte, em convênio com o IFRN, promoverá a fundação do Instituto Brasileiro de Gemologia Ensaios e Testes (IBGET), integrado às instalações do Centro de Tecnologia Mineral Professor José Yvan Pereira Leite (CT Mineral do IFRN), com o objetivo de abrigar uma unidade de desenvolvimento de pesquisa, certificação e valorização de gemas e joias no Rio Grande do Norte.

O equipamento vai ampliar conhecimentos e gerar riquezas no segmento das pedras preciosas e semipreciosas, que é um amplo campo de atuação para a atividade econômica e social da mineração no estado, envolvendo vasto leque de empresas e pequenos produtores vinculados a arranjos produtivos locais, que dependem da certificação de autenticidade dos produtos para uma justa comercialização.

A certificação de gemas e a lapidação são elementos essenciais para agregar valor ao produto no mercado de pedras preciosas. Estima-se que uma gema certificada pode quadruplicar de preço a depender do tipo, tamanho e do seu grau de pureza.

Porto-indústria

A governadora do RN, Fátima Bezerra, participou também neste sábado (15) de um encontro com representantes de empresas interessadas em investir no programa de produção de hidrogênio verde no estado. Esta é a terceira etapa de negociações, consideradas bastante avançadas, visto que já existe um número considerável de empresas que compraram a ideia.

A reunião aconteceu em Pequim, e durante o evento a própria governadora, representando oficialmente o Brasil, fez a explanação sobre a implantação do porto-indústria no Rio Grande do Norte.