Vereador é preso em megaoperação contra facção criminosas no RN

A Polícia Civil do Rio Grande do Norte (PCRN), por meio da 47ª Delegacia de Polícia (DP de Jardim de Piranhas), deflagrou, no início desta sexta-feira (11), a Operação “Revelatio”, com o objetivo de combater uma organização criminosa de caráter interestadual, voltada para os crimes de tráfico de drogas, comércio ilícito de armas de fogo, homicídio e contra o patrimônio, com atuação no município de Jardim de Piranhas/RN e região circunvizinha. A operação contou com o apoio da Polícia Civil da Paraíba (PCPB), por meio da Delegacia de Combate ao Crime Organizado (DRACO) e o Grupo de Operações Especiais (GOE), de 20 Delegacias da PCRN, de 14 Batalhões da Polícia Militar do Rio Grande do Norte (PMRN) e da Força-Tarefa SUSP/RN do Ministério da Justiça, totalizando o envolvimento de 120 agentes de segurança pública.

Durante as diligências, foram cumpridos 17 mandados de prisão preventiva, além de 31 mandados de busca e apreensão nos estados do Rio Grande do Norte, Paraíba e Amazonas, resultando, ainda, na prisão em flagrante de três suspeitos, em razão da prática dos crimes de posse irregular de arma de fogo e munições, falsificação de produto destinado a fins terapêuticos ou medicinais (comercialização de anabolizantes) e tráfico de drogas.

Foram presos: Emannuel Dayan Vieira Dantas, 39 anos, Gutemberg Maia Gadelha, 54 anos, Lucas Dantas Gomes, 24 anos, Rivanildo da Silva Gomes, 26 anos, Jordan da Silva Souto, 30 anos, João Marcos Maia Fernandes, 20 anos, Madson Henrique Medeiros de Araújo, 27 anos, José Roberto da Silva Dutra, 32 anos, Erinaldo dos Santos Silva, 30 anos, Tony Dias da Silva, 25 anos, Antônio Valentim Filho, 51 anos, Wellington Belo de Araújo, 25 anos, Walla Gomes de Paiva, 25 anos, Rafael Tomás de Oliveira, 34 anos, Diogo Ortega Santos Araújo, 22 anos, Moisés dos Santos, 19 anos, Dhevysson Acássio Pereira, 28 anos.

Dentre os presos, destacam-se Gutemberg Maia, vereador da cidade de São José do Brejo do Cruz/PB, que, segundo as investigações, se associou ao tráfico de drogas com um fornecedor de entorpecentes da cidade de Campina Grande, preso pela PCRN em maio de 2021, valendo-se disso para captação ilícita de sufrágio nas eleições municipais de 2018. Conhecido como ‘Berg’, parlamentar foi eleito em 2020 com pouco mais de 100 votos. Além de vereador, ele atua como empresário no ramo de posto de combustíveis.

Destaque também para a prisão de Emanuel Dayan, empresário da cidade de Currais Novos e integrante da citada organização criminosa, responsável por abastecer com entorpecentes a região de Caicó e cidades paraibanas que fazem divisa.

Operação Revelatio

O nome da operação é alusivo à identificação de novos atores integrantes da citada organização criminosa, no decorrer de investigações que se iniciaram no ano de 2016, alguns destes com elevada influência em âmbitos relevantes da sociedade.