Trabalhadores da enfermagem do RN paralisam atividades por 24h nesta sexta-feira

A enfermagem do Rio Grande do Norte vai paralisar suas atividades nesta sexta-feira (10), em mais um protesto da categoria pelo Piso Nacional da Enfermagem. Os trabalhadores vão se concentrar em frente ao Centro Administrativo às 14h, com proposta de sair em caminhada até a praça da Árvore de Mirassol.

De acordo com o Sindicato dos Trabalhadores em Saúde do RN, nesta sexta-feira, ocorrem atos e paralisações em todo o Brasil em protesto contra o não pagamento do novo piso salarial dos profissionais da classe.

Além do ato que acontece à tarde, a categoria também vai participar de outras atividades pela manhã. Os servidores de Natal vão participar de uma Assembleia às 8h30 da manhã no Sinpol, e os servidores do Estado realizarão um Ato Público em frente a Governadoria para entregar a pauta da campanha salarial às 9h da manhã. Após isso, os trabalhadores se juntam para o Ato Público em defesa do piso. 

A organização da categoria em movimentos de lutas nacionais neste mês de março ocorre logo após o presidente Lula (PT) não cumprir o prazo para apresentar Medida Provisória (MP) do piso salarial da enfermagem ao STF. O governo federal teve até o dia 28 de fevereiro para apresentar ao STF a Medida Provisória (MP) que apresenta as fontes de custeio do piso salarial da enfermagem. Sob constante pressão, o Governo Federal chegou a emitir uma nota, reiterando o compromisso com a promessa do piso salarial da enfermagem, o que, até o presente momento, não aconteceu.

“O Sindsaúde/RN reforça mais uma vez, que não orienta a doação de sangue como justificativa para faltar aos plantões, ao contrário do que sugeriu, para a nossa surpresa, o Fórum Nacional da Enfermagem. Nenhuma gota de sangue será derramada em prol de ilegalidades. Não vai ter doação, vai ter luta. Avante enfermagem”, afirmou.

Portal da Tropical