Seleção brasileira chega ao Catar para a Copa do Mundo; Torcedores fazem festa em frente ao hotel

A seleção brasileira está no Catar! O voo que levou a delegação de Turim para Doha pousou no país da Copa do Mundo às 23h01 (17h01 de Brasília), depois de pouco mais de 5h de duração no trajeto.

O Brasil é a última seleção a chegar ao Catar, a cinco dias da estreia no Mundial, data limite estipulada pela Fifa. A seleção fez cinco dias de treinamento na Itália antes.

– Última equipe a chegar ao Catar e espero que seja a primeira (colocada). Mas antes passar para as oitavas, grupo difícil, mas estamos muito bem preparados – disse Thiago Silva.

Ednaldo Rodrigues, presidente da CBF e chefe da delegação, Tite e Juninho Paulista foram os primeiros a descer do avião. Na sequência, começaram a descer os jogadores, todos vestindo o traje especial para a Copa, assinado pelo renomado estilista Ricardo Almeida.

Do aeroporto a Seleção partirá para o hotel Westin Doha Hotel & Spa, na região central de Doha, que tem até praia artificial. O local será a concentração do Brasil na Copa.

Torcedores fazem festa em frente ao hotel

Um boneco gigante do craque Neymar é uma atração entre os torcedores brasileiros que, agitados, fizeram cânticos para provocar Messi e Cristiano Ronaldo. Também há presença de pessoas de outras nacionalidades participando da festa dos brasileiros.

Em Doha, todos os trabalhos serão no estádio Grand Hamad. É a casa do Al Arabi e irá abrigar todos os treinos do Brasil ao longo do Mundial.

Serão realizados mais quatro treinos antes da estreia na Copa do Mundo, contra a Sérvia, na próxima quinta-feira. Um deles será fechado para a imprensa.

Confira abaixo a programação:

Sábado (19/11): desembarque no Catar às 22h20 (16h20 de Brasília)
Domingo (20/11): treino às 16h30 (10h30 de Brasília)
Segunda-feira (21/11): treino às 16h30 (10h30 de Brasília)
Terça-feira (22/11): treino fechado às 16h30 (10h30 de Brasília)
Quarta-feira (23/11): treino às 18h (12h de Brasília)
Quinta-feira (24/11): estreia contra a Sérvia às 22h (16h de Brasília)

Com informações de ge