Profissionais da saúde do RN realizam paralisação nesta terça-feira

Divulgação/Sindsaúde RN

O Sindicato dos Trabalhadores e Trabalhadoras em Saúde do RN (Sindsaúde RN) anunciou que integrantes da categoria realizarão uma assembleia geral nesta terça-feira (27) em Cidade Alta, bairro da zona Leste de Natal. Durante a assembleia, haverá debate e deliberação com indicativo de greve para os profissionais da enfermagem do Estado. Todos os profissionais envolvidos no ato irão paralisar suas atividades por 24 horas.

De acordo com o sindicato, a expectativa é de que apenas 30% dos profissionais da saúde do Estado exerçam suas atividades normalmente nesta terça. A assembleia, que ocorrerá em frente à Praça dos Três Poderes, tem como objetivo discutir ações e lutas pela garantia do Piso Nacional da Enfermagem em todo o estado e nos municípios do RN. Além disso, na ocasião também será discutido as pautas específicas da saúde estadual que são pontos de reivindicação na Mesa de Negociação SUS. A reunião com a gestão que deveria ter sido realizada no dia 26 de junho foi adiada pelo Governo do Estado para a quarta-feira (28/06). O sindicato também afirmou que haverá debate e deliberação com indicativo de greve para os profissionais da enfermagem do estado. 

Ainda segundo o sindicato, profissionais da saúde de Natal também discutirão a pauta específica que está em negociação com a gestão desde a suspensão da greve dos servidores em maio deste ano. 

Na parte da tarde, os trabalhadores e trabalhadoras da saúde também irão participar de uma atividade de formação política sobre o Arcabouço Fiscal e como esse projeto de Lei pode impactar em cortes de investimento na saúde pública. O seminário acontecerá no auditório do Sinsenat, a partir das 14h para toda a categoria.

O sindsaúde afirmou que a assembleia geral da saúde tem como objetivo discutir ações e lutas pela garantia do Piso Nacional da Enfermagem em todo o estado e nos municípios do RN. Além disso, na ocasião também será discutido as pautas específicas da saúde estadual que são pontos de reivindicação na Mesa de Negociação SUS. A reunião com a gestão que deveria ter sido realizada no dia 26 de junho foi adiada pelo Governo do Estado para a quarta-feira (28/06).

Tribuna do Norte