“Bolsonaro em Aparecida comportou-se como Agente de Satanás”, diz bispo

Foto: Reprodução/Youtube

Bispo emérito residente da Diocese de Luz, dom Mauro Morelli afirmou nas redes sociais que Jair “Bolsonaro (PL) em Aparecida comportou-se como Agente de Satanás”, criticando o uso eleitoreiro do presidente e as agressões e balbúrdia promovida por apoiadores no Santuário de Aparecida nesta quarta-feira, 12 de outubro, durante as celebrações do Dia de Nossa Senhora Aparecida.

“Bolsonaro em Aparecida comportou-se como Agente de Satanás. Desrespeitou a Mãe de Jesus e seus outros filhos e filhas, peregrinos famintos de vida com dignidade e esperança. Com seus endiabrados seguidores deveriam  ser presos em flagrante como arruaceiros. São Miguel, cuidado”, tuitou o bispo referindo-se ao arcanjo da justiça na crença católica, que é também considerado o chefe supremo do exército celestial contra as forças das trevas.

Aos 87 anos, dom Mauro reside em São Roque de Minas, na Serra da Canastra, onde quer um centro inter-religioso de discussão sobre o meio ambiente e uma área dedicada à agricultura familiar.